10 Hábitos dos Alunos de Sucesso

Aprendem com os erros
Precisamos entender que os erros fazem parte da vida. Todos estamos em constante evolução e dentro desse pacote está o erro. No processo de aprendizagem você só aprende entrando em ação e com isso a chance de errar é 100%, mas como você reage diante dos erros? Se você erra e não dá atenção ao erro continuando a persistir nele, você não está sendo inteligente. É necessário perceber o erro e se questionar o motivo que levou a cometer aquele erro, depois analisar o que pode ser feito para corrigi-lo, entrar em ação novamente observando as correções a serem feitas.

Gostam de estudar
Se você estuda só porque os pais ou o professor mandam, não tenho dúvida de que você vai fracassar. Tudo o que é feito sem prazer, cedo ou tarde você vai abandonar. Em tudo o que fizer na vida, faça com prazer. Você acha que um cérebro que não estuda com prazer vai se comportar da mesma forma daquele que estuda apaixonadamente? É óbvio que não.

São sempre otimistas
O pessimismo é um enorme obstáculo nos estudos e na vida. Quando um aluno estuda várias vezes a mesma coisa e não entende aquilo que estudou, o primeiro sentimento é de impotência, já pensa que aquilo não é pra ele, que não é inteligente o suficiente. O que precisa fazer é parar e procurar caminhos de entender aquilo e lembrar que tem coisas que precisam de certo tempo para o cérebro amadurecer e assimilar o que foi estudado.

Formalizam seus sonhos
Fazer as coisas sem sonhos é caminhar por uma estrada sem saber para onde está indo. O aluno de sucesso sabe exatamente onde quer chegar. Você precisa mentalizar esse sonho e ir atrás dele. Só você pode fazer isso!

São disciplinados
A disciplina está no pacote do sucesso e está conectado com o hábito. Se você não é disciplinado, dificilmente chegará a níveis mais altos. Ser disciplinado é criar uma rotina e fazer uma coisa de cada vez, porém fazer por completo e não pela metade. É melhor fazer uma coisa por completo do que várias coisas pela metade. Fique atento a isso nos estudos.

10 Hábitos dos Alunos de Sucesso

Sempre buscam o próximo nível
Sempre devemos procurar maneiras de fazer as coisas da melhor forma possível e nunca se contentar onde já estamos. É legal ficar sempre no mesmo lugar? Imagino que não. É preciso comemorar o que conseguimos fazer hoje e já pensar onde quero chegar amanhã. Não fique na zona de conforto.

Estudam todos os dias
É necessário entendermos o poder do hábito. Não conheço ninguém que faça alguma coisa “de vez em quando” e seja excelente naquilo que faz. Foi comprovado cientificamente que quando fazemos algo todos os dias, é criado em nosso cérebro caminhos neurais, porém quando deixamos de fazer aquilo, esses caminhos neurais começam a enfraquecer. Um exemplo claro é aquele campo que está fechado de mato e você começa a andar todos os dias. Observe que o mato começa a desaparecer e cria-se um caminho. De repente você deixa de andar ali e volta após vários dias, o que aconteceu? O mato voltou a crescer. A mesma coisa acontece em nosso cérebro. Por isso é necessário estudar todos os dias para sempre fortalecer esse “caminho” criado.

São ativos nas aulas
Não tem coisa mais chata do que aluno passivo na aula. O que seria isso? O aluno passivo é aquele que o professor pede algo pra ele fazer, ele faz apenas 2 vezes, olha para o professor querendo dizer: “Pronto, já fiz o que você pediu. E agora, já vou sair tocando tudo?”
Ja o aluno ativo é aquele que faz o que o professor pediu e fica tentando cada vez mais buscando o próximo nível. Ele só para de tocar quando o professor pede. O aluno ativo tem “sede” de praticar o que está sendo ensinado.

Estudam o que precisam estudar
Para ter sucesso na vida e nos estudos, também precisará fazer coisas não tão prazerosas, porém se você conseguir enxergar mais longe e ver o resultado que aquilo poderá trazer, não ficará tão chato assim.

São gratos pelas conquistas
Sem gratidão você nunca chegará a lugar nenhum, mas caso chegar, cedo ou tarde o fracasso baterá na sua porta. A gratidão tem um poder divino. Experimente estudar sempre com sentimento de gratidão, seu cérebro se comporta de certa maneira que favorece todo o processo de aprendizagem. E isso está conectado com os hormônios (dopamina, endorfina etc).

Valdiner Rossi

Compartilhe nas redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *